Pesquisar este blog

domingo, 16 de dezembro de 2012

Para quê serve uma relação?

PARA QUÊ SERVE UM
......Uma relação tem que servir para você se sentir 100% à vontade com outra pessoa, à vontade para concordar com ela e discordar dela, para ter sexo sem não-me-toques ou para cair no sono logo após o jantar, pregado. ......Uma relação tem que servir para você ter com quem ir ao cinema de mãos dadas, para ter alguém que instale o som novo enquanto você prepara uma omelete, para ter alguém com quem viajar para um país distante, para ter alguém com quem ficar em silêncio sem que nenhum dos dois se incomode com isso. ......Uma relação tem que servir para, às vezes, estimular você a se produzir, e, quase sempre, estimular você a ser do jeito que é, de cara lavada e bonita a seu modo. ......Uma relação tem que servir para um e outro se sentirem amparados nas suas inquietações, para ensinar a confiar, a respeitar as diferenças que há entre as pessoas, e deve servir para fazer os dois se divertirem demais, mesmo em casa, principalmente em casa. ......Uma relação tem que servir para cobrir as despesas um do outro num momento de aperto, e cobrir as dores um do outro num momento de melancolia, e cobrirem corpo um do outro quando o cobertor cair. ......Uma relação tem que servir para um acompanhar o outro ao médico, para um perdoar as fraquezas do outro, para um abrir a garrafa de vinho e para o outro abrir o jogo, e para os dois abrirem-se para o mundo, cientes de que o mundo não se resume aos dois. Drauzio Varella é médico cancerologista, formado pela USP. Nasceu em São Paulo, em 1943.Este seu artigo está sendo divulgado pela internet.

Seja um doador de medula óssea

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Sou um andarilho , caminho sem destino Minha chegada é minha partida Meus pés descalços, minhas mãos trêmulas, tenho um olhar que não Segue mais nenhuma direção Caminho sem emoção. Sou um andarilho, invisível aos Olhos dos que passam e nem Me notam, afastam-se de mim Com certo medo no olhar É triste não ter nenhum lugar para chegar, nenhum abraço para acalentar. Carrego dentro de mim ainda histórias que jamais terei a quem Contar, pois o mundo se calou Ninguém mais se importa. Caminho numa estrada deserta Afinal sou um andarilho, não levo Flores mas somente os espinhos. Mora Alves

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Chico Xavier costumava ter em cima de sua cama uma placa com os dizeres: ISSO TAMBÉM PASSA! Perguntaram a ele o motivo… Ele disse que era para que quando estivesse passando por momentos ruins, para se lembrar de que eles iriam embora, que iriam passar, e que ele estava vivendo aquilo por algum motivo. Mas a placa também era para lembrá-lo de que quando estivesse muito feliz, não deveria deixar tudo para trás e se deixar levar, porque esses momentos de euforia também iriam passar, e momentos difíceis viriam novamente. Todas as coisas na Terra passam. Os dias de dificuldades passarão. Passarão também os dias de amargura e solidão. As dores e as lágrimas passarão. As frustrações que nos fazem chorar, um dia passarão. A saudade do ser querido que se vai, na mão da morte, passará. Os dias de glórias e triunfos mundanos, em que nos julgamos maiores e melhores que os outros, igualmente passarão. A vaidade interna, que nos faz sentir como o centro do universo, um dia passará. A vida é feita de momentos, momentos pelos quais temos que passar, sendo bons ou não, para o nosso aprendizado. Nada é por acaso. Precisamos fazer a nossa parte, desempenhar o nosso papel no palco da vida, lembrando de que a vida nem sempre segue o nosso querer, mas ela é perfeita naquilo que tem que ser.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012



O amor, suas paixões, compaixões e o trabalho solidário para as pessoas mais carentes.
Um Novo Amanhecer
livro de :
Mora Alves
para comprar envie um email para: moraalves@gmail.com
Posted by Picasa

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

domingo, 16 de setembro de 2012

Muitas vezes achamos que não temos como ajudar, mas na verdade temos tantas maneiras de sermos úteis aos que necessitam. Seja uma palavra de conforto, uma visita ou então enviarmos pensamentos positivos, pois são eles que nos levam a seguir em frente. Do livro: Um Novo Amanhecer Mora Alves
" Bullying é Crime " Adultos também são vítimas de bullying e têm carreira prejudicada. Um monstro chamado bullying A palavra é diferente, mas a prática, infelizmente, acontece sempre. Bullying é o nome que se dá às agressões feitas repetidamente contra uma pessoa. Não é só de agressão física que estamos falando. Também se encaixam as fofocas, gozações maldosas, como dar apelidos infelizes, humilhar... São várias as formas de bullying, que deixam a vítima, muitas vezes, com marcas que serão levadas para a vida toda. Nunca se falou tanto em bullying. Mas a prática de agredir alguém (verbal, física ou psicologicamente) não é comum somente nas escolas. Gente que há muito tempo passou dessa fase usa esse artifício para neutralizar o desempenho e autoestima de colegas no meio corporativo. São profissionais que costumam ter atitudes nada louváveis e incompatíveis com seu currículo, como isolar um colega, zombar de alguma característica, inventar fofocas, boicotar em eventos e reuniões. Hoje punido com prisão de três meses a um ano, ou multa, o constrangimento ilegal poderá render cadeia de um a quatro anos e multa. Ainda haverá aumento de pena de um terço a dois terços se houver emprego de força ou participação de mais de três pessoas na ação. ( Matéria do Jornal Estadão )

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

No livro Um Novo Amanhecer da Escritora Mora Alves, incomum mesmo, só o amor. A despeito dos diálogos simples, diretos, e da vida linear, é o ato contundente que, repentinamente, descortina a realidade. Digamos mesmo que a autora escreve um “a vida como ela é” mas que somente o percebemos, de fato, na medida em que desvendamos o íntimo dos personagens. Suas fraquezas, paixões, grandiosidades e compaixões. Evidencia-se também enquanto proposta para a cidadania. Isso fica latente todo o tempo, principalmente através dos personagens principais, Cíntia e Alberto e o trabalho que desempenham, um como psicólogo e outro como assistente social. Cissa de Oliveira – Escritora

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

CERCLE UNIVERSEL DES AMBASSADEURS DE LA PAIX SUISSE / FRANCE Né le 3 Août 2004 paru au journal Officiel : 28 août 2004 N° 1019 ********************* Maria Aparecida Araujo Moreira BRESIL “Mora Alves” Bem Vindo(a) ao Círculo Universal dos Embaixadores da Paz! Recordamos-vos que somos uma associação sem fins lucrativos. Nosso objetivo é: Criar um Núcleo de Paz entre todos os agentes da Paz. “Todos aqueles que trabalham pela Paz formam um mesmo espírito, alma, corpo e mente, uma mesma Família Universal da Paz”. Jean-Paul Nouchi - Presidente Fundador + Em todos a Fraternidade Universal da Paz. Gabrielle Simond Presidente

domingo, 2 de setembro de 2012

PEQUENAS REFLEXÕES SOBRE A VIDA

DEZ MANEIRAS DE AMAR A NÓS MESMOS 1 - Disciplinar os próprios impulsos. 2 - Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos. 3 - Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros. 4 - Aceitar sem revolta a crítica e a reprovação. 5 - Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas. 6 - Evitar as conversações inúteis. 7 - Receber no sofrimento o processo de nossa educação. 8 - Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem. 9 - Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão. 10 - Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos sem desanimar e colocando-nos a ser- viço do Divino Mestre, hoje e sempre. André Luiz - Chico Xavier

sábado, 1 de setembro de 2012

Decifra-me na Primavera Que as Azaléias da primavera alegrem teu coração Não duvides que todas Astibes serão para acalentar O colorido da estação. Guarde teu amor nas Rosas, nas Camélias , nas Pétalas brancas da Margarida. Foram os Miosótis meu amor, que enfeitaram tua alma Na Alfazema da vida ama com devoção. E que os Sinos da Irlanda esteja presente a cada dia E em todas as estações. Mora Alves Azálea – Amor; romance; primeiro amor Astilbe – Esperar-te-ei pacientemente Rosa (vermelho) – Amor; respeito; amo-te Camélia (vermelha) – És uma chama no meu coração Margarida – Inocência; amor leal; pureza Miosótis – Amor; recordações Alfazema – Devoção

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Como ser um Doador de Medula Óssea Como ser um doador voluntário de medula óssea: Milhares de pacientes com leucemia e outras doenças graves do sangue têm como única esperança de cura um transplante de medula óssea (TMO). É importante enfatizar que a Medula Óssea é diferente da Medula Espinhal e que o material coletado do doador não é retirado da Medula da Coluna Vertebral. Portanto, não confunda medula óssea com medula espinhal e saiba que ninguém "vai tirar um pedaço de sua espinha" se você for um doador. Como o sangue, a medula óssea não é um orgão sólido e sim um tecido líquido (a fábrica do sangue) que fica dentro dos ossos (principalmente dos ossos do quadril) e é renovada constantemente pelo nosso organismo. Em caso de doação, a medula óssea é retirada (aspirada) em pequena quantidade (3% a 5%) dos ossos do quadril, através de punções (agulhas especiais) sob anestesia e sem cortes. Essa pequena doação não vai lhe fazer falta, pois, a medula óssea doada será recomposta em apenas 15 dias. Você também não precisa morrer para ser um doador de medula óssea, pois, esse tipo de doação somente é feito em vida. O seu tipo sanguineo não precisa ser o mesmo do paciente. O doador não é prejudicado e volta a sua rotina diária um ou dois diasapós à doação. Será um incômodo passageiro para você, porém, sua doação salvará uma vida. A maiorprobabilidade para um paciente é encontrar um doador entre seus irmãos e irmãs. Entretanto, somente 30% dos pacientes conseguem um doador compatível entre membros de sua família. A probabilidade de encontrar-se um doador compatível fora do núcleo familiar pode ser de UMA EM UM MILHÃO, Fatores étnicos têm um papel fundamental, pois, um paciente necessitado de um transplantetem maiores chances de encontrar um doador compatível entre pessoas de sua mesma raça ou grupo étnico. Quanto mais doadores voluntários brasileiros ( e latino-americanos em geral) estiverem inscritos nos cadastros de medula óssea, maiores serão as chances de pacientes brasileiros que precisam de um transplante de medula óssea (TMO) encontrarem doadores compatíveis. Lembre-se de que ninguém está imune ao câncer. Seja solidário . Seja um doador em vida de medula óssea, pois, alguém de sua família pode precisar de um doador no futuro e até mesmo você. Você precisa ter boa saúde e idade entre 18 a 55 anos. Quando você inscreve-se em um cadastro de doadores voluntários de medula óssea , você não vai doar a medula óssea de imediato (não há armazenamento de medula nos cadastros). Você fará um simples exame de sangue e seus dados genéticos serão colocados em um computador. Somente se você for compatível com algum paciente (é necessário milhares ou até milhões de doadores cadastrados para o paciente ter uma chance), você será chamado para fazer novos exames de sangue e, se for o caso, após a sua saúde ser avaliada, doará umpouco de sua medula óssea. Em um transplante, a nova medula sã do doador substitui a medula doente do paciente. Através de quimioterapia e radiação a medula do paciente é destruida e a nova medula doada toma o seu lugar. O transplante para o paciente é feito como uma transfusão de sangue. A nova medula irá proporcionar ao paciente células troncos que irão crescer, dividir e maturar, transformando-se em todos os tipos de células sanguineas necessárias. Entretanto, somente uma minoria acaba realizando a doação, pois, a compatibilidade é muito difícil de ocorrer. Assim, muitos pacientes morrem antes de encontrar um doador compatível. http://www.sliba.org.br/sliba004.html

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Não importa as estações, será sempre primavera no meu coração. Mora Alves

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Um Novo Amanhecer - Cíntia e Alberto Aqui, tudo é bem dito. Geralmente sem muita retórica. Na autora transbordam as palavras, fervilham as idéias que ela vai emendando de um jeito tão especial que outra coisa não é senão Arte. Palavras, fios d’água com que a autora vai tecendo a vida dos personagens. Água, vida, movimento, ondas caudalosas lembrando a todo instante do oceano de criatividade dessa nova autora. Em Um Novo Amanhecer, incomum, mesmo, só o amor. Sim, é de amor que a autora fala todo o tempo, e de um jeito tão raro como raro o próprio amor o é, sabemos, principalmente nos últimos tempos. Mas não esperem pieguices. A despeito dos diálogos simples, diretos, e da vida linear, é o ato contundente que, repentinamente, descortina a realidade. Digamos mesmo que a autora escreve um “a vida como ela é” mas que somente o percebemos, de fato, na medida em que desvendamos o íntimo dos personagens. Suas fraquezas, paixões, grandiosidades e compaixões. Um Novo Amanhecer se evidencia enquanto proposta para a cidadania. Isso fica latente todo o tempo, principalmente através dos personagens principais, Cíntia e Alberto e o trabalho que desempenham, um como psicólogo e outro como assistente social: “... a sociedade adoecia, pois cada vez mais as pessoas estavam preocupadas em ter e não em ser; ter um tipo de beleza, objetos de consumo, padrão de vida, sempre mais. “Pagavam caro por isso... Por outro lado havia o hospital, outra realidade, onde os pacientes sabiam apenas que teriam que ser pacientes...”. O curioso é que ser psicólogo e assistente social não foi justificativa ou simplesmente um meio para a atuação de ambos. O que mais a autora mostra é o perfil humanista deles. Isso nos sugere que exercer a cidadania e o amor é papel que não carece de formação específica, sendo o amor ao outro o ponto de equilíbrio das relações, fato que depende de cada um de nós. Mas o que mais nos fala esse romance é sobre brevidade de tudo. Sim, eu me vi pensando nisso, e no quanto a “vida são só dois dias”, e isso muitos já o disseram. Talvez não como Mora Alves, que o faz nas entrelinhas desse romance. Um novo amanhecer. Surpresa, surpresa da boa, assim, escrito em duplicata, talvez para nivelar com o que sinto ao escrever esta apresentação, simplória até, em vista do que nos mostra Mora Alves, pseudônimo de Maria Aparecida Araujo Alves, Cidinha para os familiares. Enquanto irmã, eu posso ser suspeita para falar, dirão alguns, mas o que mais eu poderia dizer, a não ser que desponta no cenário literário muito mais do que uma promessa? Cissa de Oliveira Professora, bióloga e escritora. Campinas-SP cissa.oliveira@gmail.com

quarta-feira, 13 de junho de 2012

" Se um dia tiver que escolher entre o mundo e o amor...Lembre-se: Se escolher o mundo ficará sem o amor, mas se escolher o amor, com ele conquistará o mundo." Albert Einstein

quinta-feira, 7 de junho de 2012

No livro Um Novo Amanhecer da Escritora Mora Alves, incomum mesmo, só o amor. A despeito dos diálogos simples, diretos, e da vida linear, é o ato contundente que, repentinamente, descortina a realidade. Digamos mesmo que a autora escreve um “a vida como ela é” mas que somente o percebemos, de fato, na medida em que desvendamos o íntimo dos personagens. Suas fraquezas, paixões, grandiosidades e compaixões. Evidencia-se também enquanto proposta para a cidadania. Isso fica latente todo o tempo, principalmente através dos personagens principais, Cíntia e Alberto e o trabalho que desempenham, um como psicólogo e outro como assistente social. Cissa de Oliveira – Escritora/Campinas O amor, o sentimento mais nobre, capaz de enfrentar as dificuldades e de criar laços que jamais o tempo poderá destruir. Histórias que se entrelaçam trazendo o verdadeiro significado da vida. Mesmo nos momentos mais difíceis a vida vai nos mostrando que o mais importante de tudo é acreditar que ainda podemos fazer Um Novo Amanhecer. Mora Alves

sábado, 2 de junho de 2012

"Descobri como é bom chegar quando se tem paciência. E para se chegar, onde quer que seja, aprendi que não é preciso dominar a força, mas a razão. É preciso, antes de mais nada, querer." Amyr Klink

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Chico Xavier

A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos. A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro. A gente pode olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos... TUDO BEM! O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum... é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos. Senão, a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos. Chico Xavier

domingo, 20 de maio de 2012

*Seja feliz!*
Mensagem de um Psicoterapeuta *Sinto dizer que sem esforço nada vai acontecer! *Não adianta reza forte, nem macumba com 20 velas. Se você não se decidir pelo primeiro passo, se você não sair desse quarto, nem os anjos e nem Jesus poderão te ajudar, se você não se ajudar! Quer emagrecer? Caminhe todos os dias, pare de dizer que não tem dinheiro para a academia. A rua é livre, de graça e está te esperando, seja noite, seja dia. Quer um novo emprego? Estude algo novo, aprenda um pouco mais do seu ofício, faça a diferença e as empresas vão correr atrás de você! Quer um novo amor? Saia para lugares diferentes assista a um bom filme, leia um bom livro, abra a cabeça, mude os pensamentos, e o amor vai te encontrar no metrô, no ônibus, na calçada, e em qualquer lugar, pois você será de se admirar. Pessoa que encanta só de olhar... *Quer esquecer alguém que te magoou? Enterre as lembranças e o infeliz! Valorize-se criatura! Se você se valoriza, sabe quanto vale, sabendo quanto vale não se troca por qualquer coisa. Se alguém te deixou é porque não sabe o seu valor. Logo, enterre a criatura no lago dos esquecidos. E rumo ao novo que o novo é sempre mais gostoso... * Quer deixar de dever? Pare de comprar. Não faça dívida para pagar dívidas! Nunca! Jamais! Faça poupança e pede para o povo esperar. "Devo, não nego, pago quando puder." Assim, a cabeça fica livre e você vai trabalhar. Em breve, não terá mais nada para pagar... Quer esquecer uma mágoa? Limpe o seu coração, esvazie-se... Quem tem equilíbrio não guarda mágoas. *Só as pessoas com problemas emocionais é que se ressentem. Ficam guardando uma dor, alimentando como se fosse de estimação. Busque o equilíbrio emocional. Doe-se, ame mais e tudo passa. * *Quer viver bem? Ame-se! * Felicidade é gratuita, não custa nada. É fazer tudo com alegria, nos mínimos detalhes. Pergunte-se e se achar resposta que te satisfaça, comece tudo de novo: - Pra que 2 celulares (1 pra cada orelha?)? - Pra que 3 computadores, se não tem uma empresa? A vida pede muito pouco e nós precisamos de menos ainda. *Acorde enquanto é tempo e comece a mudança, antes que o tempo venha e apite o final do seu jogo! *Espero que você pelo menos tenha vencido a partida.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Nada é impossível, olhe ao seu redor e veja quantas conquistas, quantas vitórias. Para que um sonho se realize, para que uma meta seja alcançada, antes de qualquer coisa devemos ter a certeza de que tudo só acontece porque acreditamos que somos capazes. Os obstáculos e as dificuldades foram situações para teu conhecimento interior, para que percebestes que a pessoa mais importante em primeiro lugar é você mesmo. Mora Alves

domingo, 22 de abril de 2012

Um Novo Amanhecer


O amor, o sentimento mais nobre, capaz de enfrentar as dificuldades e de criar laços que jamais o tempo poderá destruir.
Histórias que se entrelaçam trazendo o verdadeiro significado da vida. Mesmo nos momentos mais difíceis a vida vai nos mostrando que o mais importante de tudo é acreditar que ainda podemos fazer Um novo amanhecer.

Mora Alves
A beleza que retratas nas telas traduzem a pureza de sentimentos que povoam tua alma bela.
Cada figura, paisagem que com arte pintas, trazem de volta ao mundo um pouco de sua alma linda.
O espaço em que vives torna-se um pouco melhor pois tua serenidade envolve a todos que convivem com sua alma singela.
O dia em que tornaste a amanhecer um dia mais belo, será quando mais uma tela criaste com tua alma tão fraterna.
A amizade que de ti transborda e abraça a todos com amor tão sincero, só fazem juz a enormidade de amor que há em sua alma tão amiga e bela.
Haverão dias nublados em que seus olhos ensombreados verão o céu mais pálido e frio, mas a tudo transformará e encherá de brilho sua alma tão sincera.
Orgulho-me de tê-la como amiga, veremos juntas um dia, a imensidão do cosmos e as belezas de Deus através de nossas almas puras e fraternas.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

segunda-feira, 12 de março de 2012

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

domingo, 15 de janeiro de 2012

Não tortures mais a doce ilusão do teu coração
Apague a incerteza dos teus dias frios e sombrios
Existe um novo sol a cada manhã
Lembre-se que a felicidade é um caminho
A ser percorrido.

Mora Alves

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012


A solidão é uma
Lâmina que lentamente corta
Seus pulsos e aniquila tua alma
Traduz em palavras o universo latejante
Que sufoca a existência do teu ser
Diferente da dor que se faz presente
Ela te escraviza na indiferença
Do abandono de si mesmo.
Mora Alves

sábado, 7 de janeiro de 2012


Não busque a felicidade fora, mas sim dentro de você, caso contrário nunca a encontrará.
Epiteto